fbpx

Com Black Friday, pequenas lojas virtuais devem faturar R$ 60 mi em novembro

blank

A Black Friday deve ajudar pequenos lojistas a fechar o mês de novembro com faturamento de R$60 milhões – número 38% maior do que o registrado no mesmo período do ano passado, de acordo com dados levantados na Loja Integrada, plataforma para criação de lojas virtuais mais popular do país com mais de 500 mil lojas criadas.

Ainda segundo a pesquisa, a expectativa é de que o total de descontos aplicados pelos lojistas na data chegue a R$2,5 milhões, com aumento de 41% se comparado ao ano passado. De acordo com Breno Nogueira, especialista em comércio eletrônico e Head da Loja Integrada, a data é uma grande oportunidade para as PMEs alavancarem suas vendas e fecharem a meta do ano. Além disso, permite que as pequenas lojas conquistem novos clientes e fidelizem os antigos.

Ticket médio deve aumentar 30%

De acordo com projeções da Loja Integrada, os consumidores gastarão mais este ano. No ano passado, somente em lojas da plataforma, o ticket médio das compras foi de R$202. Para este ano, a expectativa é de que esse valor aumente 30%.

Segundo Nogueira, comprar dos pequenos negócios pode trazer diversos benefícios aos consumidores. “A facilidade de pesquisar preços, assim como o aumento da concorrência das lojas menores, podem ser fatores positivos para os consumidores conseguirem comprar mais barato”, explica.

Produtos mais vendidos

Antes, a Black Friday era mais conhecid​a​ por conta das promoções de eletroeletrônicos. Hoje, lojas virtuais de todos os segmentos aproveitam o dia de descontos. Segundo a Loja Integrada, as categorias com maior volume de vendas em 2016 devem se destacar novamente este ano; são elas: moda e acessórios, cosméticos e perfumaria, casa e decoração, acessórios automotivos e saúde.

 

 

 

Deixe uma resposta